Edição 6 - Identidade e Cidadania


Postagens

Identidade dos mineiros vai muito além das montanhas que cercam o Estado

25.10.2016

6ª edição do Diálogos DC discutiu o papel e o lugar de Minas Gerais no cenário nacional    Não há mais lugar para a imagem caricata do mineiro com chapéu e um cigarrinho de palha. No coração do Brasil, há um povo que vive, sim, entre as montanhas, mas que produz cultura, tecnologia e modos de vida que vão além delas.   A reflexão é fruto da sexta edição do Diálogos DC, evento promovido pelo …

Leia mais...

Diversidade é a grande marca de Minas

25.10.2016

A riqueza da diversidade que se encontra Minas Gerais também marcou o debate. Os palestrantes falaram sobre como a identidade e a noção de cidadania podem ser diferentes quando se muda de região ou simplesmente quando o foco é uma comunidade distinta dentro da própria cidade. A presidente do Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais (Iphea), Michele Arroyo, compartilhou um trabalho do Iepha de construção de um inventário do Rio São …

Leia mais...

Imagem “pacata” gera prejuízos a Minas

25.10.2016

A provocação sobre o “papel e o lugar de Minas Gerais” por meio de sua identidade ficou capitaneada pela plateia da sexta edição do Diálogos DC. O pesquisador da Fundação João Pinheiro (FJP), José Osvaldo Lasmar, pediu licença para mudar os rumos do debate e questionar os prejuízos econômicos para um Estado que ainda vive atrás de uma imagem folclórica de “homem pacífico e simples”. Para o pesquisador, essa concepção foi construída pelos republicanos e a …

Leia mais...

Sociedade precisa reconquistar espaços e direitos

25.10.2016

A partir do reconhecimento da identidade como “ser mineiro”, a discussão da cidadania do ser é uma consequência prática. E esse foi o assunto que marcou o segundo momento do Diálogos DC. O diretor do Instituto Orior, Raimundo Soares, destacou que o movimento de olhar para a própria história e entender o que deu certo e errado nessa forma de ser e conviver é o primeiro passo para a sociedade perceber o lugar onde está. …

Leia mais...

Conceito de esquerda e direita é conjuntural

25.10.2016

O diretor do Instituto Nenuca de Desenvolvimento Sustentável (Insea), Guilherme Fonseca, que também compôs a plateia do debate, chamou a atenção para a necessidade de um olhar mais empático a fim de se garantir o completo exercício da cidadania. “Vivemos dias tão atribulados com a nossa pauta que nem paramos para olhar para o outro. Não temos convívio no bairro que vivemos e saímos de um estacionamento para o outro. Todo mundo produz lixo, mas …

Leia mais...

Opinião dos participantes – Ânderson Rocha

25.10.2016

“Minas foi forjada na cultura do medo: controlar ouro era esquartejando. Minas foi forjada na cultura da escassez: no início do ciclo do ouro não tínhamos alimento. Isso vem repercutindo de geração em geração. E na falência do ciclo do ouro criamos um instrumento no Estado que é a fiscalização, que repercute até hoje na história de desenvolvimento de Minas Gerais.”   Ânderson Rocha, presidente do Belo Horizonte Convention & Visitors Bureau – BHC&VB

Leia mais...

Opinião dos participantes – Nair Costa Muls

25.10.2016

“Um ponto fundamental levantado aqui foi o das comunidades que estão em situação de exclusão, de ausência de cidadania e de direitos. Esse ponto é essencial para entender as identidades de Minas Gerais, afinal de contas fomos colonizados em uma exploração terrível. Esse período nos marcou fundamentalmente com essa questão da exclusão, da dominação, da exploração e da fiscalização que geraram desigualdades. E o que nós podemos fazer a partir disso? Minas não é essa …

Leia mais...

Opinião dos participantes – Ronaldo Gusmão

25.10.2016

“Cidadania e identidade, o papel de Minas Gerais. Não vai existir isso sem os meios de comunicação. Há 32 anos, na posse do Tancredo Neves nas eleições das Diretas Já, eu conversava com o senhor Luiz Carlos sobre como o Tancredo poderia ser presidente do País se Minas Gerais não tem um veículo nacional. Como o Estado vai transmitir o que acontece aqui com jornais com tiragem de 100 mil exemplares contra 1,5 milhão de …

Leia mais...

Opinião dos participantes – Sebastião Alvino Colomarte

25.10.2016

“O cidadão é completo quando ele tem sua identidade, mas é preciso destacar a importância da educação para a formação desse cidadão. Hoje temos carência desse conceito de cidadania e do conceito de amor ao Estado e à Pátria. Quero levantar essa questão: que a gente procure sempre fomentar o amor à família, ao Estado e à Pátria.”   Sebastião Alvino Colomarte, superintendente-executivo do Centro de Integração Empresa-Escola de Minas Gerais – CIEE

Leia mais...

Opinião dos participantes – Sérgio Portugal

25.10.2016

“Aqui a gente fez uma reflexão sobre o passado, entendendo a identidade de Minas Gerais, mas eu quero olhar para o futuro, pensando em uma nova geração que se apresenta. Qual a noção de identidade e de cidadania dessa geração que tem surgido nos últimos 15 a 20 anos? Eles convivem com uma estrutura de rede cada vez mais forte promovida pelas novas tecnologias de informação e comunicação, então têm referências diferenciadas. No livro ‘O …

Leia mais...

Vídeos